XI Congresso Nacional de Psiquiatria

  • -
  • Vilamoura
XI Congresso Nacional de Psiquiatria

Caros Colegas

Vai realizar-se mais um Congresso Nacional de Psiquiatria, o XI, organizado pela Sociedade Portuguesa de Psiquiatria e Saúde Mental.

Com os avanços tecnológicos e científicos que mudaram a face dos tratamentos psiquiátricos, cada vez mais se equaciona o lugar da Psiquiatria no seio da Medicina.

A Psiquiatria, como ramo da Medicina, passou por um longo período de afastamento da sua origem, por razões que a análise histórica bem explica. Mas, na atualidade, o seu posicionamento recolocou-se, reaproximando-a da Medicina. Esta foi a principal razão para optarmos pelo tema do presente Congresso: PSIQUIATRIA E MEDICINA.

É óbvio que esta recolocação não está isenta de questões essenciais que implicam uma reflexão sobre o estatuto epistemológico atual da psiquiatria. Na verdade, o que liga a “nova” psiquiatria à Medicina e o que a afasta? Foi esta interrogação essencial que nos sugeriu o subtítulo do presente congresso: LIGAÇÕES E DISJUNÇÕES. Psiquiatria e Medicina: Ligações e Disjunções, eis o desafio que este Congresso pretende lançar a todos os que nele participarem. Desafio que se pode concretizar em questões a debater ao longo das sessões: que ligações e disjunções existem entre a prática e a investigação em psiquiatria clínica e a prática e investigação em Medicina? Que relevância têm os factores psicobiológicos, psicológicos, sociais, familiares, religiosos e culturais no desenvolvimento e tratamento dos padecimentos? Que ligações e disjunções existem entre os biomarcadores dos sintomas psiquiátricos e os síndromes da clinica médica? Quais os desafios que o manejo dos síndromes psiquiátricos levantam no quadro das múltiplas comorbilidades médicas? Qual o papel de políticas de saúde mental fundamentadas na evidência nas ligações e disjunções entre a psiquiatria e a medicina?

Que significado pode ter o sentido do adoecer para o estado emocional e psicológico dos indivíduos que padecem de doenças médicas? Qual deverá ser o futuro da educação médica que prepare os futuros práticos para lidar com estas questões? Vamos pedir aos nossos convidados que abordem estas questões e desafiamos, desde já, todos os colegas interessados a apresentarem posters ou comunicações livres sobre as mesmas. Estamos seguros que será mais um Congresso que não só interessará a todos os colegas como constituirá mais um momento de aproximação e ligação entre a classe. No mínimo, podem saber que tudo faremos para que tal aconteça. Esperamos por si.

A Comissão Organizadora

Ver site oficial